Mesa Nacional: participação plural de jovens não pode ser asfixiada

No passado dia 17 de julho, a Mesa Nacional aprovou o regulamento para a VIII Convenção Nacional de Jovens do Bloco de Esquerda (CNJBE), com os votos contra de 15 dos 65 votantes. Trata-se de um regulamento que introduz alterações aos anteriores, não no sentido de ampliar a democracia e a pluralidade, mas de impor limitações asfixiantes à participação de jovens bloquistas. Sem qualquer justificação, … Continue a ler Mesa Nacional: participação plural de jovens não pode ser asfixiada

Mesa Nacional: a Regionalização não deve ficar entregue ao PS e PSD – o Bloco tem de intervir

Na segunda reunião da nova Mesa Nacional, foi apresentado um Projeto de Resolução Politica por uma Agenda para a Regionalização. O documento começa por recordar o Manifesto Autárquico 2021, aprovado na Conferência Autárquica do Bloco, no passado dia 27 de fevereiro, e onde se lê que as candidaturas do Bloco devem, nas próximas eleições para as autarquias locais, reafirmar a sua oposição ao chamado processo … Continue a ler Mesa Nacional: a Regionalização não deve ficar entregue ao PS e PSD – o Bloco tem de intervir

Mesa Nacional: negociações do Orçamento de Estado 2022 não devem ficar ao sabor dos ventos

“O processo negocial do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) acontece neste quadro marcado pela vaga de despedimentos e que vai ser o centro do conflito social nos próximos meses.” (in proposta de adenda à Resolução da MN de 17.jul.2021) A proposta de Resolução Política apresentada à Mesa Nacional de 17 de Julho pela maioria da Comissão Política (moção A) surge, surpreendentemente, omissa quanto à … Continue a ler Mesa Nacional: negociações do Orçamento de Estado 2022 não devem ficar ao sabor dos ventos

Os centralistas são como os chapéus: há muitos

A regionalização do país é um imperativo constitucional, o que já seria bastante para que já estivesse cumprido, E é, antes de mais, um inadiável imperativo democrático A ausência de uma voz que, em cada região, seja a expressão democrática da vontade maioritária das suas populações, contribui para que se aprofundem as iniquidades territoriais, prejudicando quem vive e trabalha zonas menos populosas e mais frágeis. … Continue a ler Os centralistas são como os chapéus: há muitos

A transição veio, mas será que veio acompanhada de justiça? *

O termo Transição Justa foi introduzido pelo movimento sindical nas negociações climáticas internacionais e no preâmbulo do Acordo de Paris 2015 como um dos princípios a serem garantidos.[1] As alterações climáticas afetam já o planeta inteiro com condições meteorológicas extremas, secas, ondas de calor, cheias, inundações, subida do nível do mar, a acidificação dos oceanos e a perda de biodiversidade. Em novembro de 2019, o Parlamento Europeu … Continue a ler A transição veio, mas será que veio acompanhada de justiça? *

Pelo fim da discriminação dos trabalhadores com base nas suas orientações políticas de esquerda *

O movimento reivindicativo dos trabalhadores tem, ano após ano, diminuído drasticamente no distrito de Portalegre. Os trabalhadores agrícolas há muito que deixaram de lutar, coincidindo com o fim da reforma agrária. Cabendo aos trabalhadores do Estado e das Autarquias, conjuntamente com os setores da Educação e da Saúde e dos CTT a fazerem paralisações e greves nos últimos anos, em defesa dos postos de trabalho … Continue a ler Pelo fim da discriminação dos trabalhadores com base nas suas orientações políticas de esquerda *

Presidente da A.R. informa Comissão Parlamentar sobre arquivamento de inquérito

O Ministério Público mandou arquivar o inquérito ao ex-deputado Pedro Soares (BE) sobre o mediatizado caso das moradas. Segundo o despacho de arquivamento, ficou provado que não houve “qualquer motivação ilegítima” nem a “obtenção de vantagem” que configurasse uma situação de ilegalidade ou até de crime. Através do seu Gabinete, o Presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, comunicou que levou ao conhecimento da … Continue a ler Presidente da A.R. informa Comissão Parlamentar sobre arquivamento de inquérito

Empresas por conta de outrem

O desemprego e a precaridade são pragas tenebrosas que assolam o mercado de trabalho atual, e quase toda a gente passou a achar que trocar horas por pouco dinheiro (e pouco mais) é mais do que suficiente, sendo o trabalho uma mera mercadoria. O mau emprego, que caracteriza a nossa economia, existe de diversas formas, sendo os contratos não permanentes para desempenhar funções permanentes (trabalhadores … Continue a ler Empresas por conta de outrem

Se queres a paz não prepares a guerra *

(a indústria do armamento diz o contrário, claro!) A Comissão Política do Bloco de Esquerda, num comunicado público, analisa as conclusões da recente cimeira da NATO em que, muito justamente, critica a inflexão estratégica imposta por Biden que coloca a China no ponto de mira de todas as armas desde o canivete suíço – a Suíça não integra a NATO, e não sabemos como consegue … Continue a ler Se queres a paz não prepares a guerra *